Sobre ventos


É bacana quando o vento fica mais forte. As árvores tentam jogar suas folhas para fora e os meninos cansados do jogo de futebol esperam sentados embaixo da sombra. Também o vento bate nas janelas das mulheres velhas lhes trazendo esperança e um leve sentimento de liberdade que elas procuram o tempo todo nas prateleiras e nunca encontram.

Os homens sentados jogando dominó se divertem porque nem se eles mesmos se dão conta que é o vento que torna o jogo minuto a minuto cada vez menos importante. Os cegos começam a ver através dos olhos da imaginação e os surdos escutam a voz do vento sussurrando os segredos do além. É um vai e vem de poeira espalhando uma sujeira suave que limpa os pés de todos que andam descalços.

As meninas despertas para o amor saem em grupos grandes rindo de besteiras e planejando armadilhas para os meninos infantis que ainda não perceberam que a brincadeira mudou. E o céu muda de cor rapidamente, tornando-se cinza pouco a pouco, até que a forte chuva cai e todos vão correndo pra casa porque a natureza quer brincar sozinha, só ela e pronto.

---

João Mendonça é blogueiro Contextual, jornalista e tem 39 anos. Sua diversão é fazer textos que contribuam para alguma coisa que ele não sabe o que é. O que ele mais gosta são as curtidas. Quando acontecem ele comemora como um gol do Bahia.

#JoãoMendonça